Ex-primeiro bailarino da mais importante companhia do Reino Unido, Thiago Soares inaugura sala no Espaço de Dança Notre Dame
30 de setembro de 2019 Notícias, Portal
detaque site

DSC_0008Thiago Soares, que de 2006 até o início deste ano ocupou o almejado cargo de primeiro bailarino da Royal Ballet, inaugurou, pessoalmente, a sala no Espaço de Dança Notre Dame que lhe homenageia.

Após a abertura do cerimonial, na qual os feitos do artista carioca foram descritos, a diretora do Colégio Notre Dame Ipanema, Irmã Elena Bini, agradeceu a ele por prestigiar a solenidade. “A presença deste grande artista agrega muito à nossa escola e inspira nossas crianças”, afirmou.

DSC_0025Thiago, exaltando a importância do investimento na modalidade artística, por sua vez, expressou quão honrado se sente por ter seu nome batizando o ambiente onde novos bailarinos executarão os primeiros passos, além de manifestar seu desejo de que a homenagem contribua para popularização da dança entre o público masculino.

Além disso, com o auxílio da mais jovem educanda de Balé, Isabela Pacheco, o artista participou do descerramento da placa e do desenlace da fita inaugural – gestos seguidos por visita à sala, onde foi recebido com aplausos pelas estudantes que o aguardavam e assistiu às apresentações das turmas Baby e Infantil.

  Um bate-papo com o Thiago Soares:

DSC_0283Como você recebeu o convite para nomear e inaugurar a sala no Espaço de Dança Notre Dame?

O convite me deixou surpreso e contente. Acredito que uma instituição de ensino que investe em um espaço dedicado à dança está marcando um golaço, porque é muito importante dar acesso à essa arte. A cada quarteirão você pode encontrar uns dois campos de futebol, mas quantas escolas de dança você verá? A carência de espaços dificulta que as crianças conheçam e entendam o balé.

O que você pensa sobre o pouco número de meninos que se dedicam à dança clássica? Acha que ainda existe preconceito?

Acho que o principal motivo é mesmo a desinformação. O balé prepara para a vida e ensina uma disciplina extrema, que só tem equivalência na carreira militar. Não tem desculpa, o tempo todo te chamam a atenção e você vivencia experiências que fazem toda a diferença na sua formação.

Quais os principais benefícios da prática?

Inúmeros e podem ser notados num ambiente social. Você percebe que a pessoa teve contato com a dança só pela postura. O balé é a arte da perfeição, que não existe, mas que estamos sempre perseguindo. Isso desenvolve habilidades como resiliência, persistência, saber aceitar críticas, obedecer regras. Além disso, o caráter lírico da arte faz um contraponto positivo em relação à realidade – muitas vezes dura -, ajudando a trazer alívio e a desenvolver a sensibilidade.

Veja mais fotos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>