A importância dos instrumentos antirracistas nas escolas foi tema de palestra
4 de setembro de 2020 Notícias, Portal
destaque

2Veralindá Menezes, escritora, artista, auditora e educadora social foi a convidada da 16ª edição do Programa de Formação de Pais Notre Dame para falar sobre a importância dos instrumentos antirracistas nas escolas.
11Em um país onde 54% da população é negra e parda, Veralindá se viu diante da angústia de uma menina por não conhecer nenhuma princesa da sua cor. Daí, ela passou a criar histórias protagonizadas por heróicos personagens negros representados em príncipes, reis, princesas, anjos entre outros.

A convidada apontou que o racismo estrutural se perpetua em pequenos atitudes e está embutido em comportamentos que se

22repetem no dia a dia, sob o disfarce do comum, nos mais diversos ambientes como o familiar, o escolar, o corporativo e o social, que, muitas vezes, negam a representatividade ao negro.

Exaltar os feitos do povo preto é uma das formas, apontadas por ela, para combater o racismo. “Quando for presentear com uma boneca, dê uma branca e uma preta. Esteja sempre atento ao papel das personagens negras nas histórias que seus filhos consomem, se não estão sendo ridicularizadas, se não estão numa posição inferior. Essas são pequenas atitudes que podem fazer uma grande diferença no combate ao racismo”, explicou ela.

O Programa de Formação de Pais Notre Dame vai ao ar toda segunda-feira, às 17h, com transmissão simultânea pelo Facebook e pelo YouTube do Notre Dame Ipanema e tem a mediação das psicopedagogas Érika Cindra e Rejane Schäffer e a apresentação do relações-públicas, José Alessandro.

Reveja o programa: 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>